user_mobilelogo
  • Presidente da Assembleia Geral é o novo membro da Comissão de TT da federação internacional

O diretor de prova dos eventos organizados pela Escuderia Castelo Branco, pontuáveis para o campeonato nacional de Todo-o-Terreno, Nuno Almeida Santos, passou a ser membro da Comissão de Ralis de Todo-o-Terreno da Federação Internacional do Automóvel. O cargo, para que foi eleito no passado mês de dezembro, na Assembleia Geral da FIA, é o reconhecimento do trabalho exemplar e da experiência acumulada ao longo dos anos no âmbito e em prol da modalidade.

Quer ser navegador de ralis? Agora já pode receber formação específica para a função de co-piloto nos ralis, num curso vocacionado quer para iniciados na modalidade quer para atuais navegadores que queiram reforçar os seus conhecimentos. A ação decorre nos próximos dias 27 e 28 de janeiro, em Vieira do Minho, e a iniciativa é coordenada pelo conceituado navegador Jorge Henriques.

Na última Assembleia Geral da Federação de Motociclismo de Portugal, realizada antes do final do ano, um dos momentos unânimes da sessão foi a aprovação por parte da assembleia das Medalhas de Mérito Desportivo - a mais alta distinção atribuída pela FMP - a Felisberto Teixeira.

A verdadeira ação do Dakar começou hoje, com os pilotos lançados para aquela que foi a primeira grande Especial da prova, cobrindo 278 quilómetros em redor da cidade peruana de Pisco. O cenário consistia de dramáticas paisagens desérticas, com grandes dunas de areia, e vistas deslumbrantes sobre a costa, desenrolando-se 90% da ação fora de pista. Nestas condições de constante desafio muitos concorrentes caíram no esquecimento, mas não as duplas dos PEUGEOT 3008DKR Maxi, que a terminaram no 1º, 2º e 3º lugares, colocando dois dos carros franceses nos dois lugares de topo da Geral.

Álvaro Parente esteve num excelente nível no Roar Before the 24 At Daytona, tendo na sua esteia no circuito da Florida, com o Acura NSX e com a Michael Shank Racing registado o quarto tempo da qualificação para as boxes.

A primeira Especial do Rali Dakar 2018 foi a mais curta da prova, com apenas 31 km, mas já deu uma vaga ideia do que espera os concorrentes face ao que está para vir, lançando-os de imediato nas dunas. Todas as quatro formações dos PEUGEOT 3008DKR Maxi concentraram-se em cumprir a Etapa sem problemas.

  • Etapa 2 – Pisco/Pisco
  • Yamaha tombou nas dunas, mas estava em condições de prosseguir

A dupla Pedro Mello Breyner e Pedro Velosa encerrou hoje de forma algo abrupta a sua participação na 40ª edição do Rali Dakar, naquela que estava a ser a estreia portuguesa na categoria SSV. Aos comandos do Yamaha YXZ 1000 R nº 370 da Cat Racing, a formação lusa que tinha sido a 4ª mais rápida entre os SSV na etapa inaugural sofreu um daqueles acidentes típicos do Dakar.