user_mobilelogo

Disputou-se no passado domingo o primeiro grande prémio da Tailândia do calendário MotoGp. Miguel Oliveira partiu da segunda linha da grelha e terminou na terceira posição. O piloto de Almada revelou bastante consistência durante todo o fim de semana, sobretudo durante a qualificação onde na segunda saída para pista, na tentativa de encontrar mais aderência, fez uma alteração nas afinações sem conseguir alcançar o efeito desejado. 

Ainda assim, durante o warm-up da manhã e com temperaturas mais baixas, o piloto de Almada foi capaz de rodar em tempos mais rápidos que os conseguidos na qualificação e voltou a mostrar um ritmo bastante consistente.

Com o asfalto a marcar 56º de temperatura Miguel Oliveira saiu ao ataque para liderar a corrida desde cedo. Com o passar das voltas o piloto da Red Bull Ajo KTM ía perdendo aderência e ficava cada vez mais difícil controlar a sua moto para suster os ataques do seu rival Bagnaia e do seu companheiro Marini, que lhe ganhou a posição na ultima volta ao traçado.  

Miguel Oliveira:

" Foi uma corrida dura aqui na Tailãndia, esperava ter mais aderência no principio da corrida. Sem duvida que a temperatura elevada face aos treinos nos prejudicou um pouco. Sempre tenho um extra no final da corrida e hoje não o tive. O Marini passou-me na ultima volta e foi difícil responder. Estou  orgulhoso do trabalho que temos vindo a fazer, não só este fim-de-semana, como também durante toda a temporada. Temos tido alguns contratempos que temos ultrapassado com grande mérito e quero também agradecer à equipa por esse fantástico trabalho. Continuo de focado, o campeonato ainda tem muitos pontos para disputar, vou-me divertir e levar esta luta até Valência."

A próxima prova terá lugar no circuito de Motegi no Japão nos próximos dias 19, 20 e 21 de outubro.

Resultados

1. Francesco Bagnaia (Kalex) 39:00.009
2. Luca Marini (Kalex) +1.512
3. Miguel Oliveira (Red Bull KTM Ajo) +1.651
4. Brad Binder (Red Bull KTM Ajo) +1.808  

Moto2 World Championship Standing 2018 – Riders
1. Francesco Bagnaia (Kalex) 259 points
2. Miguel Oliveira (Red Bull KTM Ajo) 231 points
3. Brad Binder (Red Bull KTM Ajo) 157 points

miguel oliveira termina no pdio na tailndia